sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

1 886 - Sexta-feira, dia 13..., dia de achar o 1º. Luzia!!!


O 1º. sargento Luzia, no bar da messe de sargentos do Quitexe, 
ladeado pels furriéis Monteiro, à esquerda, e Viegas


Dia 13 de Dezembro de 2013, sexta-feira, 13. Há 39 anos, era também sexta-feira, mas nada de especial se passou por lá,  pelo Quitexe, para além da azáfama resultante da chegada, três dias antes, dos Cavaleiros do Norte de Santa Isabel, que se acomodavam como podiam.
Hoje, dia 13, sexta-feira, sexta-feira de 2013, o blogue chegou a fala com gente do 1º. sargento Luzia, a sua «mais que tudo», com notícias dele. Fez 80 anos no dia 10, há três dias, como aqui lembrámos, e recuperou de um problema canceroso da bexiga, que lhe deu alguns amargos de boca. 
«Felizmente, recuperou bem, está muito bem...», contou-nos a senhora de Luzia - não sem lembrar «as três operações que fez na Clínica de Santo António», na Amadora, e os tratamento de radioterapia que se seguiram. 
«Fez 80 anos, não foi?!...», perguntei eu!
«É verdade, 80 anos....», confirmou a feliz senhora do 1º. sargento Luzia, que não estava no contacto telefónico por ter ido ao médico de família. «Anda de vigilância, mas não tem problemas...», disse-nos, sublinhando um feliz «graças a Deus». 
Filho do 1º. sargento Luzia, foi outro... Luzia, andebolista internacional e treinador-adjunto do Sporting, que faleceu de doença em 2004, aos 40 anos. Filho deste e neto de Luzia é outro Luzia, o André, de 14 anos e 1,87 de altura, andebolista no Benfica. Duas netas são estudantes de medicina dentária e o «nosso» antigo 1º. sargento tem duas filhas: uma advogada (a trabalhar na função pública) e outra funcionária da Junta de Fregueia de Benteira, na Amadora.
E Angola, há 39 anos? A CUCA, em Luanda, preparava-se para despedir os 20 trabalhadores da INFORANG,  a sua agência de comunicação (de publicidade, como ao tempo se dizia), invocado a má situação financeira. O montante dos salários dos trabalhadores a despedir «valia» 200 contos (1000 euros). A  CUCA pertencia ao Grupo Vinhas - que agrupava a Sociedade Central de Cervejas, a Schweppes, o Banco Português do Atlântico e, através deste, o Banco Comercial de Angola.
- LUZIA. José Claudino Fernandes Luzia, º. sargento e 
chefe da secretaria da CCS do BCAV. 8423. 
Atingiu o posto de sargento-mor e reformou-se em 1987,
quando estava em Lanceiros (Polícia Militar), em Lisboa. 

1 comentário:

  1. Um feliz natal para todos os cavaleiros do norte
    José Rebelo

    ResponderEliminar